17.1.12

Como muitos portugueses, não sou grande conhecedora do cinema feito cá em Portugal, mas quando vejo um consigo, acho eu, analisar a sua qualidade ou não.

Nos próximos dois meses aqui na cidade onde moro, todas as semanas irá ser transmitido um filme nacional. A semana anterior vi o 'Amália - o filme', esta semana foi a vez de 'O estranho caso de Angélica', de Manoel de Oliveira, o nosso realizador com mais de um século de existência.

Em 2010 o filme figurou entre os 25 melhores filmes do ano eleitos pela revista New Yorker, tendo ficado em 8º lugar, mas para o primeiro filme de Manoel de Oliveira que vi devo dizer que não fiquei com a melhor impressão.

 

A história até podia ser interessante e até tem alguns pontos a mencionar, mas no geral achei um filme medíocre, tendo reparado que as pessoas na sala bocejavam com o passar da película...

Bem, adiante. A fotografia do filme essa é excelente e a música também está bem inserida, mas é apenas isso. Não tenho nada mais a acrescentar de positivo, os diálogos são fracos (por vezes surreais tal como li aqui) e os actores não mostram qualquer entusiasmo nas suas participações. Muitas cenas podiam ter sido retiradas de um momento de uma peça de teatro, dando-lhe um vazio enorme na construção do filme. É muito parado, as cenas não parecem desenvolver-se e os planos filmados são parcos. Uma cena que achei hilariante de tão má que foi encenada foi uma das cenas do fim, em que a personagem Isaac empurra o médico e depois cai para o lado...

Enfim, dava ao filme uma nota negativa.

 

Sinopse: Uma noite, Isaac, jovem fotógrafo e hóspede da pensão de Dona Rosa na Régua, é chamado com urgência por uma família abastada, para tirar o último retrato da filha, Angélica, uma jovem mulher que morreu logo após o casamento. Na casa, em luto, Isaac descobre Angélica e fica estupefacto com a sua beleza. Quando encosta o olho à lente a jovem parece voltar à vida, só para ele. Isaac apaixona-se instantaneamente por ela. A partir desse instante, Angélica irá assombrá-lo dia e noite, até à exaustão (Fonte: Sapo).

sinto-me:
link do postescrito por anid, às 19:44  opina à-vontade

pesquisa
 
mais sobre mim
Janeiro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
19

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Leitura em curso
Neste momento não leio nada, apenas escrevo...
comentários recentes
PROGRAMA DE AFILIADOS!Você está a procura de um re...
aqui no Brasil a gente fala muito mal o nosso idio...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
por acaso tambem andei muito a procura desta music...
Posts mais comentados
blogs SAPO